<$BlogRSDUrl$>

17.2.04

Concerto Soave 

A noite passada houve um concerto extraordinário no grande auditório da Fundação Gulbenkian; Concerto Soave tocando música de Sigismondo d'India. Houve coisas muito positivas como a insuperável coesão deste agrupamento e tivemos a ocasião de ouvir música de um compositor absolutamente "maestoso", quase "sideral" tanto é pura a música deste fenómeno.

Única pequena desilusão ; Maria Cristina Kiehr uma voz fabulosa! Uma capacidade técnica absolutamente fora do vulgar mas, infelizmente, pouco mais do que isto. Nenhuma presença dramática, o lamento de Didone, parecia uma conversa de uma tia aborrecida e uma fatal incapacidade de conseguir uma qualquer variabilidade sonora. Tudo foi desenvolvido a partir da utilização de uma voz bonita mas sem modulação nenhuma. Em resumo, a qualidade, às vezes, também aborrece. Estava à espera de viajar pelos inúmeros "turbamentos" da alma mas acabei quase a olhar o relógio.

Também foi ridículo o público da Gulbenkian recheado de falsos intelectuais que mandaram a calar os entusiastas que queriam bater palmas após a primeira peça. Até os músicos estavam à espera disso. Que pretensão e que tristeza este público falsamente conhecedor.

M.P.

Arquivos

This page is powered by Blogger. Isn't yours?