<$BlogRSDUrl$>

3.12.03

Mais uma vez o Crítico em cima do acontecimento 

Apenas hoje, dia 3 de Dezembro de 2003, o Jornal "O Público" noticiou que o concerto na Gulbenkian de quinta feira passada, 27 de Novembro de 2003, foi concelado. O Crítico deu a notícia em primeiríssima mão a 30 de Novembro. Obrigado ao Jornal "O Público" por reproduzir as nossas informações. Ainda há gente nos jornais que lê "O Crítico". Notícia.

Já Cristina Fernandes, no mesmo jornal critica, ou melhor: faz o encómio da praxe, laudas e mais laudas, ele é "lenda viva" ele é "ímpar prestação", e eu concordo!
Mas sobre o Brendel na Gulbenkian, tenho de condenar o facto de ter dito entoa fragmentos (como fazia Glenn Gould) como forma de imprimir um "cantabile" mais eficaz ao instrumento... peço desculpa, mas entoar fragmentos é uma coisa, um eufemismo é o que é! "Cantabile" uma ova, "desafinabile" foi o que foi! Grunhir o concerto todo é o que se passou sem tirar nem por! Brendel grunhiu desalmadamente e desafinadíssimo. Se mandou calar a assistência para grunhir daquela forma, quem mandaria calar o pianista para se escutar o piano?


Arquivos

This page is powered by Blogger. Isn't yours?