<$BlogRSDUrl$>

19.9.03

O Muito Mentiroso 



Para os ingénuos o autor do Muito Mentiroso seria um paranóico, um obcecado pela teoria da conspiração.
A princípio, quando o li, apressadamente, depois da minha viagem, estranhei. Ainda pensei que se poderia tratar de uma obra de um louco, de alguém próximo dos acontecimentos, mas com a mente perturbada.

Hoje, depois de reflectir um pouco e de ler o JPP que explica de forma lapidar o assunto, chego à conclusão que se trata pura e simplesmente de alguém com o objectivo de perturbar, de baralhar o processo sobre o qual tanto escreve. Alguém que usa métodos criminosos.

Como no crime se deve sempre procurar em primeira e em última análise o beneficiário do mesmo, só uma conclusão se tira: trata-se de alguém próximo da defesa de alguns dos arguidos ou de alguém que pretende vingança contra algum elemento da investigação. Se se tratam de motivos pessoais ou políticos cabe ao poder judicial decidir.

A mim só me interessa uma coisa, o princípio ético. Nesse sentido acho o tal blogue simplesmente repugnante. Não o lerei mais. Retirei o link.

Como no Barbeiro de Sevilha se diz tão bem: a Calúnia começa por um vento muito ligeiro (brisa) e acaba ribombando como um canhão.

CM


Arquivos

This page is powered by Blogger. Isn't yours?