<$BlogRSDUrl$>

7.6.03

Como tinha dito voltei: quarta, dia 11.

Factos importantes da semana:

a) Concurso de bigodes em Viseu, domingo passado 8 de Junho de 2003, sob os auspícios do "distinto" presidente da respectiva câmara, com os presidentes das juntas e as forças vivas da terra, tipo o diácono, ou o presbítero, (será cónego?) e o chefe da confederação do comércio, talvez o director do politécnico, as senhoras professoras primárias (todas concorrentes), talvez o director do museu Grão Vasco, o bispo, o dono da farmácia Viriato, o treinador da equipa de futebol, enfim: a sociedade visiense. Não sei quem foi o vencedor, mas creio que "O meu pipi" esteve lá.

b) Entrevista do professor comunista Diogo Freitas do Amaral à Rádio Renascença com transcrição no jornal do crítico de moda, José Manuel Fernandes, ou seja "O Público". Alinhado pela esquerda, como se prova, e presidenciável como aliás já referi aqui mesmo. Continua a dizer que é do centro, e que se recusa a concorrer contra Mário Soares. Claro, o espectro da derrota é doloroso, e as dívidas da campanha custaram a pagar. Além disso dois candidatos da extrema esquerda, seria demais! Freitas continua no seu afã interminável de conseguir que, no caso de ser candidato, ninguém vote nele.

c) O Blog de Esquerda publica texto de A. M. Seabra, gostei do etc, o resto é apenas uma assinatura e um coçar de costas ao Seabra, que de conteúdo: nada. Mais uma destas e tiro-te da minha coluna "coça-me as costas..." Zé Mário" e nem te livra seres meu ex-vizinho do quinto! Que tu, não só não me coças as costas, como lhe dás com um pau...

d) O bailarico do Durão, pouco duro, e primeira dama, duríssima!

e) O presidente falou??

f) O forum social do Partido Comunista a tentar boicotar o trabalho das organizações independentes.

Como se vê não perdi nada, andei pela serra, bebi água nas fontes, escrevi, li, ouvi o Jordi Savall no Parnasus da Viola da Gamba, Marais e St Colombe le fils, banhei-me junto a falésias onde mais ninguém vai, e vivi um sonho. Não, não perdi nada, ganhei muito. Até um soneto escrevi...

O Crítico

Arquivos

This page is powered by Blogger. Isn't yours?